sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Rendi-me!

Rendi-me! 

Mergulhei no desconhecido e despreocupei-me em entender o seu significado, mas viverei tentando ultrapassar qualquer entendimento. 

Darei ao desconhecimento e ao súbito da vida a oportunidade de me renovar, mesmo sem saber se terei um glorioso fim.

Atormentado com os constantes desafios e com os improvisos que me surgem, desfrutarei da liberdade alheia para decidir se estou à altura deles, ainda que a desistência teime em reinar.

Terei a ousadia de correr atrás dos meus sonhos, para que possa açambarcar o risonho futuro que herdei.

Está decidido!
Quero continuar a ser feliz!


Sem comentários: